Top 5 – Tendências em Embalagens

Ao falarmos sobre marcas é impossível não pensarmos em como o consumidor será impactado por elas. É por isso que repetimos que as empresas devem ter uma comunicação linear, ou seja, precisam se mostrar sempre de forma clara e única em todos os seus pontos de contato. O site, as mídias sociais, o atendimento e, obviamente, as embalagens são as manifestações mais nítidas do posicionamento da sua empresa. 

Recentemente a Agência Packlab divulgou um estudo apontando as principais tendências que vão guiar a criação e desenvolvimento de embalagens para as próximas décadas. Os inputs presentes na pesquisa (que vamos compartilhar com vocês a seguir) estão alinhados com a forma como temos trabalhado a construção de marca para nossos clientes, considerando as seguintes premissas: transparência, relevância e propósito. 

Pensando no universo das pequenas e médias empresas, abraçar as tendências que vão ditar as embalagens do ‘futuro’ é uma boa estratégia para conquistar o consumidor – levando em consideração que nem sempre os empreendedores contam com verba extra para investir em marketing no ponto de venda. 

Quer ficar um passo à frente da concorrência? Confira o Top 5 – Tendências em Embalagens que a Move selecionou para você! 

1 – Cores vibrantes 

Aquelas combinações óbvias saem de cena e dão espaço para um mundo de cores vibrantes! Tons vivos são uma boa alternativa – desde que façam parte do universo da marca –  e têm passe livre para protagonizar embalagens. Aqui vale uma dica bônus da Move: é preciso pensar em embalagens por família de produtos e aí é possível pensar em cores que alinhem a marca ao produto. (Inspire-se no case da Heart Alimentos)! 

2 – Tipografia customizada 

Para não parecer ‘mais do mesmo’, nada melhor do que investir na criação de um universo de marca personalizado. Dentro desse contexto, a tipografia customizada é um recurso poderoso, que vai criar um impacto visual positivo quando sua embalagem estiver lado a lado com o produto concorrente. 

3 – Minimalismo 

Segundo a Packlab, embalagens mais funcionais na essência se tornam atrativas aos olhos do consumidor. Sem o excesso de elementos figurativos, os clientes conseguem fazer a leitura do rótulo de forma mais assertiva, encontrando as informações que precisa de forma rápida e objetiva.

4 – Referências ao passado 

Não é de hoje que os consumidores demonstram um carinho especial por produtos com pegada artesanal. Trazendo essa informação para o mundo das embalagens, a aplicação de elementos que remetam à história da marca é uma ótima forma de construir uma relação afetiva com seus clientes. O case do Cafehaus ilustra bem como colocar essa tendência em prática, clica e confere como ajudamos uma empresa de 40 anos a revisitar seu passado por meio do presente. 

5 – Materiais ecologicamente corretos 

Esta é uma tendência irreversível: marcas que apostam em embalagens produzidas com materiais ecologicamente corretos ganham pontos junto ao consumidor! Grandes multinacionais estão investindo pesado em redesign de embalagens para se adequar ao movimento. Opte por materiais ecológicos, próprios para reciclagem ou reutilização, para que seus produtos gerem o menor impacto possível ao meio ambiente. O planeta agradece, o entorno muda e todos nós vivemos melhor. 

outras postagens

Um modelo de negócio para chamar de seu!
Um modelo de negócio para chamar de seu!

Sair do campo das ideias é o passo fundamental para entrar no mundo do empreendedorismo. Mais do que ter um pensamento empreendedor é preciso saber o que o seu modelo de negócio trará de diferente e único para o mercado.

Jamais seremos Jair Bolsonaro
Jamais seremos Jair Bolsonaro

Vocês já nos conhecem e sabem que somos uma empresa cujo propósito é alavancar negócios por meio do design. Além de empreendedores, apoiamos ideias que tornem possível o crescimento sustentável da economia do Brasil, dizimada ao longo do tempo por políticas públicas corruptivas. Nesse contexto, apoiar ou sequer considerar a candidatura de uma figura tão contraditória quanto Jair Bolsonaro seria uma contradição. Principalmente, considerando nossa posição no mercado – a de apoiar ideias e desenvolver modelos de negócios inovadores.

Foodtechs: o futuro da comida passa pela tecnologia
Foodtechs: o futuro da comida passa pela tecnologia

É sobre o cenário de mudanças que invadem o futuro da alimentação humana, que encontramos a ascensão das foodtechs (um híbrido de alimentação + tecnologia) que estão revolucionando o modo como pensamos na produção de alimentos, do campo aos canais de distribuição.